Eu, exposto!

Sou meio assim,
exposto,
pareço mais um esboço,
do que sonho fazer de mim.

Mas no fim,
acho isso bom,
pois nunca sei em qual tom,
a música da vida,
vai tocar pra mim.

E então,
vou rasurando aqui,
me corrigindo ali...
e no fim,
viro mesmo,
esse esboço,
fazendo um tremendo esforço,
pra virar o melhor rascunho de mim.

Marco Paschoal

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ser Ilha!

Pra você.